Supressor de faíscas

Supressor de faíscas:

  • Redução de interferências CEM
  • Reduz a formação de faíscas nos contacto

Redução da formação de faíscas nos contatos de comutação no lado da corrente contínua em caso de desconexão com cargas indutivas 

  • Restrição de tensão em conformidade com VDE 0580 2000-07 Parágrafo 4.6
  • Redução de avarias CEM pela restrição do aumento da tensão, supressão dos flancos de comutação
  • Redução dos tempos de resposta dos freios com o fator 2 – 4 em relação aos díodos de circulação livre 

Com o elemento de amortecimento, os picos de tensão, que ocorrem ao desligar as cargas indutivas e que podem causar danos no isolamento e nos contatos, são limitados para 70 V e a carga do contato é reduzida. Normalmente, são adequados elementos de comutação com uma abertura de contato de > 3 mm.